Como vimos no nosso report de Macrotrends de Inverno na Insp2, nossa plataforma de TrendHunting, o Upcycling é uma das tendências que surge do Poesia Realista. O vestuário passa a ter papel fundamental na forma de comunicar ideias e se posicionar perante a sociedade. Não existe mais um padrão, e o imperfeito, assim como o charme vintage ganha sua força.

Roupas descontruídas, reutilizadas, reimaginadas. Combinações impensadas anteriormente de tecidos, estampas, shapes ganham espaço e força nessa busca por individualidade. O óbvio sai de cena e deixa o caminho para o sentimento livre que reflete a paixão exacerbada das subculturas jovens.

Nas passarelas, marcas de ready-to-wear e alta costura apostaram na tendência do upcycling e trouxeram sua visão da tendência:

 

Podemos ver alguns exemplos de como o varejo está absorvendo a tendência e como está chegando às araras:

 

 

Nas ruas, a tendência não é novidade. Afinal, quem nunca, mesmo que só na adolescência, testou os limites das roupas e transformou uma calça em uma saia, ou uma camisa em um vestido, ou usou algo da maneira diferente que era pra ser usado?!? Mas agora, em tempos de consumo consciente, mais do que nunca é hora de fazermos e aproveitarmos o máximo de nossas peças de roupa. E isso tem tudo a ver com a tendência do upcycling.

Abaixo separamos algumas produções para você se inspirar e não perder tempo!

 

 

 

 

“As imagens e fotos são meramente ilustrativas e referenciais da pesquisa apresentada, foram captadas em ambientes públicos e acessíveis a qualquer pessoa e não consiste em violação a direitos autorais ou a propriedade industrial nos termos do art. 46 da Lei. 9.610/98. A TREND2/INSP2 não se responsabiliza pela reprodução, divulgação e comercialização dessas fotos e imagens por terceiros, sem a devida autorização.”